loading

banco de desenvolvimento da américa latina

Cioeste apresenta estudo inédito na região aos integrantes do consórcio

Após estudo de impacto de vulnerabilidade climática, o Cioeste (Consórcio Intermunicipal da Região Oeste Metropolitana de São Paulo) promoveu uma reunião entre os prefeitos que compõem o consórcio e o diretor executivo da CAF (Banco de Desenvolvimento da América Latina), Victor Rico. O encontro foi realizado com o objetivo de tratar da viabilização de empréstimos da instituição financeira para a execução de projetos de obras em áreas de vulnerabilidade social.

Comandada pelo presidente do consórcio, Elvis Cezar, a reunião contou com a presença dos prefeitos Rogério Lins (Osasco), Josué Ramos (Vargem Grande Paulista), Rogério Franco (Cotia), Paulo Barufi (Jandira), Marcos Neves (Carapicuíba) e Dany Wilian Floresti (Pirapora do Bom Jesus). Os demais prefeitos mandaram representantes. Estiveram presentes também os secretários dos municípios.

cioeste2

Conforme estudo de uma consultoria promovida pelo Cioeste, foi realizado um diagnóstico das áreas de vulnerabilidade social de cada município da Região Oeste da Grande São Paulo. Agora, de posse deste estudo, os prefeitos irão priorizar as necessidades e, com os seus técnicos, elaborar os projetos que deverão ser aprovados pelas respectivas Câmaras Municipais.

Como tratam-se de empréstimos estrangeiros, os mesmos terão de ser avaliados e aprovados pelo Senado da República. Segundo o presidente do Cioeste, Elvis Cezar, a linha de crédito da CAF parte do patamar de R$ 40 milhões, a juros que variam de 3 a 4% ao ano. “São condições excelentes de financiamento para as nossas cidades resolverem muitos problemas sociais e ajudarem a nossa população”, disse Cezar.

cioeste3

Fotos: Sérgio Gobatti